fbpx

temas sobre a gravidez

Imagem parteira Carla Estevez

Conselhos da parteira para uma amamentação bem-sucedida

Durante anos a amamentação viu-se rodeada de mitos e de desinformação, fazendo com que muitas mulheres tivessem dúvidas na hora de decidir se devem ou não amamentar os seus bebés. Neste artigo, uma parteira profissional dar-te-á vários conselhos para que a amamentação seja uma boa experiência.

Carla Estévez  é enfermeira desde 2005 e parteira desde 2012, com formação no método NACES, biomecânica do parto e assessora de amamentação da FEDALMA, etc.

Além de exercer na área da saúde pública, desde 2012 que também oferece assistência privada em clínicas e, hoje em dia, também on-line. Diariamente, oferece consultoria sobre a gravidez, o parto, a amamentação e a educação. Hoje fala-nos dos conselhos mais importantes sobre a amamentação. Fica atenta!

A amamentação e os seus mitos

Às vezes não temos consciência disso, mas desde o aparecimento dos leites de fórmula (em meados do século XX) e com a sua utilização cada vez mais habitual, a cultura da amamentação tem-se vindo a perder. Já nem existe aquele conhecimento que se transmitia das mãe para as filhas, sobrinhas ou primas.

Precisamente por isso, há numerosos mitos que se perpetuam até aos dias de hoje, mitos como que o teu leite não satisfaz o teu bebé, que tem má qualidade ou que se a tua mãe não pôde dar mama tu também não poderás.

Em primeiro lugar, note-se que estas afirmações não têm evidência científica que as sustentem. O que talvez se passe no campo da amamentação é que, diante da mais pequena dificuldade ou dúvida, a mulher recorra ao leite de fórmula e não procure ter o aconselhamento adequado para encontrar soluções.

Conselhos para a amamentação

Como vês, há muitos mitos e desinformação em torno da amamentação. Mas, uma vez decidida a dar mama, que conselhos podes seguir para que a amamentação seja uma experiência boa e feliz para ti e para o teu bebé?

Motivação

A motivação é o fator mais importante e o ponto de partida para esta aventura. É preciso estares motivada para dar mama, e que não o faças por obrigação ou por te sentires socialmente pressionada a fazê-lo. A forma como alimentas o teu bebé é uma escolha totalmente pessoal que deve ser respeitada, desde que seja uma decisão informada e não uma decisão com base em mitos.

Apoio familiar

Depois de tomares a tua decisão, é fundamental que a tua família e parceiro (se o houver) te apoie na decisão de dar mama. Eles podem ajudar-te com as tuas necessidades e envolver-se mais nas tarefas domésticas para que possas estar mais disponível para o teu bebé.

Confia na tua capacidade de amamentar

É normal que, depois do nascimento do teu bebé, te surjam muitas dúvidas. Contudo, deves saber que, biologicamente, estás preparada para a amamentação. O teu leite é de qualidade e será suficiente para o teu bebé.

Apenas uma pequena percentagem de mulheres sofrerá de uma verdadeira hipogalactia, isto é, de uma produção de leite insuficiente para manter uma amamentação exclusiva, sobretudo devido a alterações hormonais (que, além disso, são tratáveis). 

Informa-te e aconselha-te

Informação é poder. Sentir-te-ás muito mais preparada se te informares sobre a técnica da amamentação, sobre a colocação do bebé no peito, sobre as posturas que facilitam a amamentação e as dificuldades que possam surgir. Podes ler livros, blogues e publicações de profissionais especializados durante a gravidez, e até frequentar aulas de preparação para o parto (presenciais ou on-line).

Também podes procurar uma consultora de amamentação ou até o IBCLC (Consultor Internacional de Amamentação) mais próximo do teu local de residência para que te possam ajudar em caso de dificuldade.

Nutrientes fundamentais durante a amamentação

Além destes conselhos para a amamentação, não te deves esquecer de que durante esta fase é fundamental manter uma alimentação variada e saudável. Também é importante evitar tóxicos como o álcool ou o tabaco e não ultrapassar os 300 mg de cafeína por dia.

Como decerto já saberás, as exigências do organismo de certos minerais e vitaminas (como a vitamina D, C, as vitaminas do complexo B, o cálcio, o ferro e o iodo) aumentam muito durante a gravidez e a amamentação. E se elas não poderem ser colmatadas com a alimentação, é necessário suplantá-las. 

Vitamina D

A vitamina D provém quer da alimentação quer da síntese que ocorre através da pele quando se encontra em contacto com a radiação solar ultravioleta. Alguns alimentos ricos em vitamina D são o óleo de fígado de peixe, o salmão e outros peixes azuis. Também está presente no leite e nos cereais enriquecidos.

Ferro

No caso do ferro, a suplementação deve ser feita em função das necessidades individuais de cada mulher. Mas é interessante conheceres alguns alimentos ricos em ferro, como é o caso da carne de vaca, porco, frango e peru, do peixe, dos legumes, dos frutos secos e dos cereais enriquecidos.

Cálcio

A quantidade de cálcio ideal alcança-se por meio de uma dieta que inclua pelo menos três porções diárias de alimentos ricos em cálcio, comoé o caso dos produtos lácteos e os seus derivados.

Iodo

Quanto ao iodo, as suas principais fontes são o peixe de mar e o marisco, assim como o leite de vaca e todos os produtos lácteos. Apenas os alimentos de origem marinha são naturalmente ricos em iodo. Outra fonte é o sal enriquecido com iodo, isto é, o sal iodado.

Segundo a SEGO (Sociedade Espanhola de Ginecologia e Obstetrícia), em Espanha menos de 90 % das famílias consomem sal iodado. No caso de mulheres grávidas ou lactantes é necessário fomentar o seu consumo e apostar numa suplementação com iodeto de potássio.

Esperamos que estes conselhos para a amamentação te tenham sido úteis e que possas desfrutar desta etapa tão importante com a maior informação e tranquilidade junto do teu bebé.

Pareceu-te interessante?

Conteúdo revisto pela equipa de nutricionistas dos Laboratórios Niam. Este artigo é informativo e não substitui a consulta a um médico ou especialista.

  • Outros artigos

Parteira no Hospital Álvaro Cunqueiro. Carla Estévez é enfermeira e parteira. Formada no método NACES, em biomecânica do parto, e também, consultora de amamentação. A sua atividade divide-se entre o trabalho na saúde pública e o atendimento privado em clínicas e particulares. E também faz consultoria sobre gravidez, parto, amamentação e cuidados parentais.

Web: llamaalamatrona.org
Instagram: @llamaalamatronavigo
Linkedin: Carla Estévez

Somos um laboratório fundado em 2014, com o objetivo de contribuir para o bem-estar das pessoas através de produtos 100% naturais de alta qualidade e avaliados por milhares de clientes.

Nossa equipa de profissionais, altamente capacitados, possuem uma larga experiência na criação e distribuição de produtos que melhoram o dia a dia de milhares de pessoas de forma natural.

Concevit® é o suplemento alimentar mais completo para futuras mães. Ajuda a atingir os níveis de nutrientes e de vitaminas ideais se estiver à procura de engravidar.

Imagem redonda positivo Concevit

Conheça as histórias fascinantes de outras futuras mamãs que conseguiram alcançar o seu positivo com Concevit®

Ler histórias de sucesso

Onde posso encomendar concevit®?

Imagen Concevit caixa comprimidos
COMPRAR ONLINE

Pela compra de 2 caixas, o envio é grátis

300 509 108

De segunda a sexta-feira das 8 ás 16h (telefone fixo nacional)

NA SUA FARMÁCIA
Solicita Concevit® com:
  • nome do produto 
  • Se não encontra o produto desejado na sua farmácia de confiança, lembre que o farmacêutico pode encomendá-lo com o Código Nacional Português: 6356949.
Se não consegue encontrar o suplemento nas farmácias da sua área, escreva um email a: consultas@laboratoriosniam.com.

opiniões verificadas CONCEVIT®

Opiniões de clientes sobre Concevit® Gravidez

A classificação média é 4.5

Baseado em 34 opiniões

26
3
2
2
1
As avaliações são verificadas por
31 / 05 / 2021
Parece ser bastante completo, no entanto é pena dar apenas para 20 dias. Acaba por ficar um pouco caro.
Laboratórios Niam respondeu o 02 / 06 / 2021
Olá, lamentamos que aches caro . O preço do produto é calculado com base no custo de seus ingredientes, que nos diferenciam da concorrência e o tornam um suplemento alimentar muito mais completo. Cumprimentos.
15 / 03 / 2021
É pela terceira vez que compro e estou bastante satisfeita e dou-te muito bem. Recomendo vivamente
12 / 03 / 2021
Excelente produto! Recomendo
Veja mais opiniões
Fechar opiniões
Cargando comentarios

temas sobre a gravidez

AS NOSSAS REDES SOCIAIS

CONCEVIT

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Concevit para uma gravidez saudável