fbpx

Sintomas iniciais da menopausa: Sintomas da pré-menopausa e da perimenopausa

Ginecologista

Neste artigo, a ginecologista Elena Pushina, explica o conceito e os sintomas da pré-menopausa e da perimenopausa e o tratamento que deve ter em conta nesta fase tão importante da sua vida.

O que é a pré-menopausa?

A pré-menopausa é uma fase da vida da mulher em que surge alguns sintomas e acorre a transição do período reprodutivo para o não reprodutivo. A pré-menopausa geralmente começa 10 anos antes da menopausa, tendo seu início por volta dos 45 anos de idade, embora possa iniciar até mesmo um pouco antes, próximo dos 42 anos.
A pré-menopausa ocorre devido à diminuição progressiva na produção de hormonas sexuais femininos, resultando em mudanças no corpo da mulher com sintomas semelhantes aos da menopausa.

Gama ClimaFort

Como se inicia a menopausa?

  • Inicialmente há um encurtamento do ciclo menstrual que passa de 28 para 21-24 dias, por exemplo;
  • Posteriormente há maior intervalo entre as menstruações;
  • Pode eventualmente ocorrer uma menstruação abundante;
  • Irritabilidade;
  • Insónia,
  • Diminuição de libido;
  • Diminuição da lubrificação vulvar e vaginal;
  • Aumento de peso;
  • A quantidade de estrogénio produzida pelos ovários começa a mudar entre os 30 e 40 anos, de forma que o ciclo menstrual também sofre alterações e podem ser notados os sintomas desse período.

Como saber se estou na menopausa ou pré-menopausa?

Responda se apresenta estes sintomas:

  1. Menstruação irregular Sim Não
  2. Ausência de menstruação por 12 meses seguidos Sim Não
  3. Ondas de calor que começam de repente e sem causa aparente Sim Não
  4. Suores noturnos intensos que podem interromper o sono Sim Não
  5. Cansaço frequente Sim Não
  6. Alterações de humor como irritabilidade, ansiedade ou tristeza Sim Não
  7. Dificuldade para dormir ou menor qualidade de sono Sim Não
  8. Secura vulvar ou vaginal Sim Não
  9. Queda de cabelos Sim Não
  10. Diminuição da libido Sim Não
Guia gratuito

Se tem mais de 50% destes sintomas, está na pré-menopausa.

O diagnóstico da pré-menopausa é feito pelo médico ginecologista por meio da avaliação dos sinais e sintomas apresentados pela mulher, assim como pela realização de exame de sangue que verifica os níveis de FSH e estrogénios e que deverá ser realizado em 2 ou 3 dias diferentes. Quanto mais elevado estiver este valor, mas perto a mulher está da menopausa.

É possível engravidar na pré-menopausa?

Sim, é possível. A mulher tem de usar qualquer método de contracepção até aos 52 anos ou 1 ano após última menstruação.

Como são os sangramentos na pré-menopausa?

Pode acontecer HUA (hemorragia uterina anómala) na segunda fase de ciclo menstrual devido de alteração da progesterona, que sempre falta na pré-menopausa.

A pré-menopausa pode provocar aumento de peso?

Sim, praticamente sempre as mulheres começam engordar. Acontece aumento de volume abdominal, porque a gordura abdominal produz estrogénios que sempre falta na pré-menopausa.

Alimentação para pré-menopausa: dicas para a dieta

As perturbações geniturinárias traduzem-se na atrofia da mucosa vaginal com secura que provoca irritação e dores associadas às relações sexuais. Existe ainda maior tendência para infeções urinárias.
Em relação à alimentação, sugere-se as seguintes dicas:

  • Água – a hidratação é essencial para o bom funcionamento do organismo e da pele;
  • Alimentos ricos em cálcio – como o estrogénio pode acelerar a decomposição óssea, é importante ingerir alimentos ricos em cálcio (leite e iogurtes e/ou opções vegetais enriquecidas em cálcio como vegetais de folha verde escura, tofu, castanhas-do-pará, feijão de soja, feijão, ameixas secas e brócolos, por exemplo.
  • Alimentos ricos em vitamina D – contribuem para a proteção dos ossos (salmão, ostras, arenque, ovo, fígado de galinha, sardinhas, etc.)
  • Alimentos ricos em ferro – carne, ovos, cereais enriquecidos em ferro, e leguminosas como grão-de-bico, grão de soja, feijão, lentilhas, favas, entre outros;
  • Fruta e vegetais – como muitas mulheres se queixam do ganho de peso associado à menopausa, é importante aumentar o consumo de frutas e vegetais em detrimento de outras opções com maior densidade energética.
  • Alimentos integrais – além de fornecerem energia, contribuem para a saúde intestinal (flocos de aveia integral, arroz integral, farinha de espelta integral)
  • Frutos secos – graças ao seu elevado teor de gordura monoinsaturada, essencial para o bom funcionamento do coração e pelo seu teor de vitamina E, importante para a saúde da pele (amendoins, amêndoas, cajus, nozes)
  • Soja – apesar de alguma controvérsia, estudos indicam que a soja pode aliviar os “afrontamentos”, uma vez que os seus compostos, conhecidos por isoflavonas, têm um efeito no organismo semelhante ao dos estrogénios
  • Sementes de linhaça – excelente fonte vegetal de ácidos gordos ómega-3. Estas sementes devem ser consumidas moídas para uma melhor absorção.
opiniões

Como complemento, o ClimaFort®, que destina-se a todas as mulheres que desejam preservar sua feminilidade nesta nova fase da vida e a melhorar a sua qualidade de vida com ajuda dos seus ingredientes de origem 100% naturais.
É um suplemento não hormonal com fitoestrógenos mais potentes do mercado e que inclui mais de 10 vitaminas e minerais que ajudam a completar as necessidades nutricionais das mulheres durante a menopausa.

Referências:

  1. BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Manual de Atenção à Mulher no Climatério/Menopausa. 2008. Acesso em 16 maio 2022
  2. Lifestyle sapo.pt – artigo sobre alimentação na menopausa – Acesso em 16 maio 2022
5 2 votes
Classificar o artigo
  • Artigos
Ginecologista/Obstetra

Licenciada em Medicina, trabalha atualmente como Ginecologista/Obstetra no Hospital St. Louis, Lisboa.

Linkedin: Elena Pushina

FORMAÇÃO

1994 - 2000 Pós-graduação Lato Sensu - Especialização, Programa de Residência Médica - Obstetrícia e Ginecologia 1988 - 1994 - Licenciatura, Medicina

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

Ginecologista/Obstetra Hospital St. Louis · Jornada parcial oct. 2020 - actualidade · 1 ano 8 meses - Lisboa, Portugal

Ginecologista/ Obstetra CUF - Hospitais e Clínicas · Jornada completa mar. 2021 - actualidade · 1 ano 3 meses Cascais, Lisboa, Portugal

Clínico geral Hospital Garcia de Orta, EPE · Jornada completa jun. 2017 - jul. 2020 · 3 anos e 2 meses - Almada, Setúbal, Portugal

logo Laboratorios Niam

Somos um laboratório fundado em 2014, com o objetivo de contribuir para o bem-estar das pessoas através de produtos 100% naturais de alta qualidade e avaliados por milhares de clientes.

Nossa equipa de profissionais, altamente capacitados, possuem uma larga experiência na criação e distribuição de produtos que melhoram o dia a dia de milhares de pessoas de forma natural.

COMO POSSO ENCOMENDAR CLIMAFORT®?

Online 300 509 108

cruz farmaciaNa sua farmácia com o Código Nacional Português: 6283275

*De segunda a sexta-feira das 8 às 16h (telefone fixo nacional)

ClimaFort - Laboratórios Niam
Ativar notificações
Notificar se
guest
3 Comentários
Feedback em linha
Ver todos os comentários

Ana rosa Martins Lopes
Ana rosa Martins Lopes
12 de Outubro de 2022 17:51

Será que estou com
Menopausa

Laboratórios NIAM
13 de Outubro de 2022 12:05

Bom dia, Ana Lopes

Desde já agradecemos a sua mensagem. 😊

Por norma, os calores podem ser os primeiros sintomas da menopausa, o que se designa de Pré-menopausa, e só se pode dizer que está na menopausa após 12 meses seguidos sem período.

Sugerimos que consulte o seu médico para que este a possa examinar e diagnosticar corretamente.
Aproveitamos e apresentamos o nosso ClimaFort®, que ajuda a combater os primeiros sinais associados à menopausa como ondas de calor, sudação, inquietação e irritabilidade. 🥰

Cuide de si!💜

Obrigado!
Cumprimentos,
Laboratórios NIAM